terça-feira, 29 de setembro de 2009

170 Anos do Surgimento da Fotografia




Exposição, em Lyon, France, em homenagem aos Irmãos Auguste e Louis
Lumière, inventores da fotografia colorida. Esse arquivo é uma raridade: são as primeiras fotos coloridas do mundo, feitas em 1860, pelos irmãos Lumière, de sua família.


Explicação do método usado à época.

Eram usados grânulos de amido de batata (fécula), tingidos de vermelho, verde e azul para criar imagens coloridas em placas de vidro, semelhante a slides. Ao passar pelos grãos, a luz se decompõe e cria o colorido suave que se vê nas fotos produzidas dessa maneira: as cores são pastéis, com um ligeiro efeito granulado.
Basicamente isso é um autocromo: uma chapa de vidro coberta por minúsculos grãos transparentes coloridos, sobrepostos a uma imagem fotográfica preto e branco.

Era feito deste modo: os grãos de amido de batata, de dimensões microscópicas, corados,
misturados em certa proporção e espalhados sobre a chapa de vidro, numa camada muito fina.

A seguir eram cobertos por uma camada de verniz impermeável, que os isolava dos banhos de processamentos. Em seguida, imersos numa emulsão pancromática, sensível a todas as cores.
Fotos que parecem pinturas de Monet ou Renoir. Veja material completo no blog comemorativo dos 170 Anos do Surgimento da Fotografia. Beba na fonte.


Colaboração de Dario de Almeida Prado Jr e Ayrton Bueno (Gato)

APARÊNCIAS OFUSCANDO A VERDADE

Texto do Tenente do Exército Coronel Pimentel, que está na Escola de Estado-Maior em Honduras. Pimentel é irmão do Capitão Nascimento que inspirou o filme "Tropa de Elite". Trabalhava em Honduras quando Zelaya foi apeado do poder. Segundo Pimentel, está na Constituição de Honduras que a reeleição é vedada e que quem tentar instaurá-la será considerado "traidor da pátria" e deve ser destituido. A destituição de Zelaya foi decidia pela Suprema Corte do país e referendada pelo Congresso Nacional por uma votação de 123 votos contra apenas 5 votos. Segundo Paulo Pimentel, Zelaya liderou uma multidão na invasão de instalações da Força Aérea onde estavam urnas para o plebiscito que decidiria sua reeleição. As urnas vinham da Venezuela mandadas por Hugo Cháves. Uma graça esses bolivarianos. E falam em democracia.

Como diria o saudoso Tarso de Castro: - Meus sais, por favor!

Zelaya e o padrinho Cháves

1. Introdução

A imagem de militares invadindo a casa de um presidente legitimamente eleito, sua detenção e imediata expulsão do país, reveste-se de todos os ingredientes de algo que, hoje em dia, causa forte repugnância na comunidade internacional. Difícil de explicar, quase impossível de justificar.

O quadro de um golpe de Estado patrocinado por militares está tão bem pintado, e reflete tão claramente, que se torna desnecessário, para muitos, fazer um esforço em ver a cena de outro ponto de vista, o que ofusca a verdade. Em nome dela, e por acreditar que realmente nem sempre os fatos falam por si mesmos, vou me atrever a mostrar esta mesma imagem desde outro ângulo.

Definitivamente, o que aconteceu em Honduras (e segue acontecendo) não guarda relação com o que se noticia na imprensa internacional. Se realmente conceitos tais como autodeterminação dos povos e soberania têm algum significado - e estão acima do pragmatismo que rege a relação entre os Estados - talvez valesse a pena o esforço em enxergar a cena descrita no primeiro parágrafo sob a ótica dos demais poderes do Estado de Honduras, de sua Constituição e, principalmente, da grande maioria do seu povo. Leia a análise completa aqui.

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Morre mulher que inspirou Beatles em "Lucy in the Sky with Diamonds"

Lucy O'Donnell, a menina que em 1966 inspirou os Beatles a comporem "Lucy in the Sky with Diamonds", morreu, aos 46 anos. Lucy tinha lúpus e, na última terça-feira, não resistiu aos sintomas da doença, informou hoje a Fundação Saint Thomas, que financia pesquisas na área de saúde.

Segundo Julian Lennon, filho mais velho de John Lennon, a música foi inspirada em um desenho feito há mais de 40 anos por Lucy, uma colega do jardim de infância.

Julian levou o desenho para casa e, segundo sua versão, mostrou ao pai, a quem disse: "É Lucy no céu com diamantes". Leia mais.


Valentões x torcida

domingo, 27 de setembro de 2009

Polanski é preso na Suíça e pode ser deportado para os EUA

O cineasta Roman Polanski foi preso na Suíça por um suposto crime de cometido há 31 anos, afirmou em nota o Festival de Zurique. A informação foi confirmada pelo porta-voz do Ministério da Justiça suíço. A detenção do cineasta, ocorrida na noite deste sábado (26), está relacionada a um mandado de prisão emitido por autoridades norte-americanas em 1978, por suposta relação sexual com uma adolescente. Segundo o porta-voz, a detenção ocorreu por um um pedido de busca internacional efetuado em 2005. Leia mais.

Fotógrafo da Grande Depressão



Mais uma grande atração nos 170 anos do surgimento da fotografia. A partir de 1 de outubro o museu de Arte de Sao Paulo (MASP) estará exibindo 120 imagens Walker Evans, morto em 1975. Evans foi o fotógrafo que registrou a desvastação econômica e moral dos Estados Unidos durante a Grande Depressão.

Fotografia em Debate

Foto de Louis Jacques Mandé Daguerre

Durante o mês de agosto o Cangablog, com a participação do repórter fotográfico Dario de Almeida Prado Jr. comemorou os 170 anos do surgimento da fotografia . A descoberta de Louis Jacques Mandé Daguerre, 19 de agosto de 1839, foi apresentada à Academia de Ciências da França, em Paris. O maravilhoso inventoera um processo completo que permitia gerar e fixar imagens através de um processo físico-químico. A palavra fotografia veio mais tarde. No início, merecidamente, foi a daguerreotipia a novidade.

Esta foi a segunda vez que, comemoramos o surgimento da fotografia. A primeira foi em 1999 quando realizamos a I Semana de Fotografia de Florianópolis, nos 160 anos de Fotografia. Há época tivemos a participação de alguns fotógrafos daqui e do reconhecido profissional João Bittar, pioneiro da fotografia digital no Brasil em jornais diários. Bittar era editor de fotografia da Folha de São Paulo.


A comemoração da data, com a criação de um blog especial sobre fotografia, foi bastante feliz pois mostrou o interesse de centenas de leitores que acessaram o blog diariamente. Mas ficamos contentes em saber que não fomos os únicos a dar importância a tão importante acontecimento.


A UDESC também está destacando os 170 anos da fotografia através do evento Fotografia em Debate a realizar-se nos dias 6, 7 e 8 de outubro no auditório do CEART na Udesc. O evento é gratuíto e as incrições podem ser feitas pelo e-mail cursos@duoarte.com ou pelo fone: (48) 99351533

Programação:

06/10 (terça -feira) - Fotojornalismo
17:30 - Filme: Abaixando a Máquina – Ética e dor no fotojornalismo carioca
19:00 - Filme: Evandro Teixeira: Instantaneos da realidade (84 minutos)

07/10 (quarta-feira) - Fotografia publicitária e social
16:00 - filme: Sobre fotografia de Cartie Bresson
17:10 - Filme: Cortina de Fumaça (112 min)
19:00 - filme: Annie Leibovitz – A Vida Através das Lentes (79 min)
20:20 - Debate com: Marquito e Plinio - FOTOMUNDO

08/10 (quinta-feira): Fotografia documental

17:30 - Filme: Nascidos em Bordéis (85 minutos)
19:00 - Filme: Pierre Verger: Mensageiro entre Dois Mundos (84 minutos)
20:30 - debate com o fotografo: Esdras da Luz - CEART/UDESC

sábado, 26 de setembro de 2009

Em anúncio de TV, Governo pede documentos sobre a ditadura

A partir do próximo domingo (27/09), o Governo Federal irá veicular comerciais na TV para estimular a entrega de documentos sobre a ditadura militar (1964-1985). Serão três filmes, com depoimentos de familiares de desaparecidos políticos. O objetivo é reunir informações que permitam a localização dos corpos.

“Qualquer que seja a divergência ideológica, histórica política sobre o período, ninguém pode ter divergência sobre o direito de localizar os restos mortais e sepultar", afirmou o ministro da Secretaria Especial dos Direitos Humanos, Paulo Vannuchi, à Folha de S. Paulo.

O material coletado será encaminhado para o Centro de Referência das Lutas Políticas no Brasil – Memórias Reveladas, do Arquivo Público Nacional. (do comunique-se)

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

BOLCHE DESMENTE BOLCHE

Cerca de 20 mil pessoas, segundo o jornal El Heraldo, marcharam hoje à tarde pelas ruas de Tegucigalpa em sinal de protesto contra a interferência de outros países em assuntos de Honduras. Na frente da embaixada brasileira gritavam:
Lula! Lula! Leva embora esta mula!

Por Janer Cristaldo

Uma mentira, quando envolve vários mentirosos, tem de ser bem combinada. Ou então acontece o que está acontecendo. Interrogado pela Folha de São Paulo se foi Hugo Chávez quem planejou a volta de Zelaya a Honduras, diz o assessor internacional da Presidência, Marco Aurélio Garcia:

- Não acredito. Escuta, um sujeito que foi presidente da República, que tem o prestígio que ele tem em Honduras... Pela madrugada! Se não tiver esquema, é melhor ficar em casa. Ele certamente tem um esquema suficientemente forte para mobilizar pelo menos metade dos hondurenhos. Que esquema teria o Chávez? Não, não, isso foi obra dos próprios hondurenhos.

O repórter da Folha insiste: não é difícil de acreditar que o Zelaya fez tudo sozinho, chegou lá, bateu na porta da embaixada e foi entrando? Garcia não abre mão de sua tese:
- Zelaya é muito mais esperto do que alguns querem fazer pensar, com muita independência, com muita personalidade. Leia artigo completo. Beba na fonte.

"Piratas" defendem liberdade total na internet


Os especialistas consideram que os partidos reduziram a Internet a um meio de comunicação, sem aproveitar o potencial das plataformas para organizar atos e descentralizar a ação política. Os Verdes e o Partido Liberal tiraram certo proveito da Rede. Mas, para os analistas, o único partido que se beneficiou da Internet é o "Piratas", que já tem entre 2% e 3% das intenções de voto. O verdadeiro debate em torno a Internet, sobre sua regulação e adaptação dos direitos dos autores, ficou com o pequeno partido "Piratas". A manifestação "Pela Liberdade em lugar de medo" reuniu recentemente, em Berlim, 20 mil pessoas para protestar com as recentes ingerências legislativas na Web.

PARECE FÁCIL, MAS NÃO É

Por Olsen Jr.

Cansei da maçaroca. Lembrei de um livro do Salim Miguel ”Sezefredo das Neves, poeta”, que começa com o narrador afirmando que recebeu um “original” para ser lido mais tarde e que o apelidou logo de “a maçaroca”.

A maçaroca, no meu caso, é constituída de uma série de anotações feitas por aí e guardadas em um dos bolsos da calça. As calças mudam e as tais anotações continuam se amontoando sem que tome uma providência. São ideias para uma crônica, um conto, um dito espirituoso feito na hora apropriada, uma frase que capta um momento bem humorado, enfim, algo que pode ser trabalhado posteriormente. O suporte para tais anotações pode ser um guardanapo, um extrato bancário, um comprovante da medida de peso/altura de uma farmácia, uma nota de compra, um ticket de supermercado ou de posto de gasolina, o verso de um cartão de visitas, e se não tiver nada, a palma da mão também serve.

Hoje peguei aquela papelada toda e disse: chega! Só tomei a iniciativa, entretanto, quando um amigo me viu deixar cair tudo quando fui pagar o café no bar... Ele indagou “que maçaroca é essa?”.

Well, é de assombrar como se parte de coisinhas simples para se construir uma obra.

Muitas vezes é só um lembrete mesmo: “policial Henrique (livro)”... Lembrei que fui socorrido por um policial num acidente de carro. Quando soube que era um escritor disse que gostava muito de ler e eu prometi um livro. Na hora não tinha nenhum. O bilhete deve estar a uns quatro anos passando de bolso em bolso sem que cumpra com o prometido, vou fazer isso hoje; um outro diz: “filme do Cantinflas/ajudante de circo/pesos”, trata-se do comediante Mário Moreno, ele fazia o papel do ajudante, a atração principal era um fisioculturista (vestido com pele de tigre) que levantava vários artefatos em que estavam escritos em cada um o “seu” peso (150kg, 200kg,) e depois da encenação, o Cantinflas entrava e pegava todos eles com uma das mãos (eram de isopor) e o cinema vinha a baixo de riso, lembro a propósito de um colega de ginásio que assistia ao filme na cadeira de trás da minha e passava o tempo todo cantarolando a música “leva eu sodade”, um dos versos que dizia “Oi leva eu... eu também quero ir”... Dos “Cantores de Ébano” que fez sucesso na década de 1960... No verso, um lembrete “Eliane & Elias/ Piano” seguido de um número de telefone para contato... Cenas que poderiam integrar uma obra de ficção.

Numa comanda de hotel indicando como chegar a feijoada do Bar do Zé em Joinville, estava o texto “A mesma “coisa” feita de outro jeito, tem novo sentido”. Não me lembro do que se tratava, a “mesma coisa” para mim sempre foi um caminhão carregado de melancias, mas depois que os japoneses “criaram” a melancia quadrada (vi isso na internet) nem se pode usar mais a tal expressão.

Tinha elucubrações bem feitas e que só estavam ali porque não tivera disposição para transportá-las para um caderno onde faço tais registros, por exemplo, “Procuro ignorar os elogios e as críticas que fazem ao meu trabalho porque ambos são mendigos que me pedem esmolas: o elogio de minha vaidade e a crítica de minha ira. Tanto um como outro me empobrece”.

O meu favorito era um que afirmava “Os homens de talento, digo, os gênios, deveriam ser mais pacientes, afinal nós temos a eternidade pela frente”...

Tudo isso parece afetação, mas o que é que se pode esperar de alguém que pensa o dia inteiro? Claro, tinha os bilhetes que me faziam cair na realidade, esse que está em minhas mãos agora, para ilustrar, dizia “Pagar a ótica (R$175,00) no dia 10”, consulto o calendário e já estamos no dia 22... O que “eles” iriam pensar do meu atraso? Talvez, na melhor das hipóteses: “paciência, os filósofos são distraídos, não são?”.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

PF investiga desembargador, vereador e prefeito como chefes de quadrilha de rede de caça níqueis


Documentos da Polícia Federal com transcrição de conversas telefônicas vazam na internet e comprometem desembargador Carlos Prudêncio, seu filho Roberto Prudêncio Neto, vereador e Secretário Regional do governo Luiz Henrique em Brusque e o prefeito da cidade Ciro Rosa. As investigações fazem parte da Operação Arrastão da Polícia Federal que já fez a prisão de 7 policiais militares entre eles um ex-comandante do batalhão de Polícia de Brusque, 4 policiais civis, dois delegados de polícia que atuavam na região de Brusque, Itapema, Canelinha e São João Batista. Setores da PF descontentes com as tentativas de abafar o caso quando as investigações chegaram nos figurões e provavelmente chefes da quadrilha, resoveram divulgar os documentos (relatório com 85 páginas) que mostra o envolvimento de altas autoridades estaduais no caso.

Veja os documentos abaixo e se estarreça com a abrangência da criminalidade nos meios jurídico, parlamentar e executivo de SC.Veja as 85 páginas do relatório da investigação da PF sobre o caso. Clique aqui!

Moacir Pereira lança livro na Alesc

Tête-à-tête na justiça

O empresário Nei Silva - autor do livro cesurado pela justiça "A Descentralização no Banco dos Réus" - estará na próxima quinta-feira, 24, frente a frente com seus algozes Ivo Carminati (secretário da SC Parcerias) e Derly de Anunciação secretário de Comunicação). O encontro será às 16h, na 3ª Vara Criminal de Florianópolis na audiência de acusação onde Nei Silva é acusado de extorquir o governo no rumoroso caso da Revista Metrópole.
Para enteder dirieitinho a armação montada pelo governo para tentar abafar o escândalo que culminou com a prisão a do empresário e a escandalosa censura do livro que denuncia as falcatruas do governo Luiz Henrique clique aqui.




terça-feira, 22 de setembro de 2009

Autor desconhecido


Senhor, tende piedade de nós!

Pelo projeto político do deputado Clodovil
Pelo "espetáculo do crescimento" que até hoje ninguém viu
Pelas explicações sucintas do ministro Gilberto Gil
Senhor, tende piedade de nós!


Pelo jeitinho brejeiro da nossa juíza
Pelo perigo constante quando Lula improvisa
Pelas toneladas de botox da Dona Marisa
Senhor, tende piedade de nós!


Pelo Marcos Valério e o Banco Rural
Pela casa de praia do Sérgio Cabral
Pelo dia em que Lula usará o plural
Senhor, tende piedade de nós!


Pelo nosso Delúbio e Valdomiro Diniz
Pelo "nunca antes nesse país"
Pelo povo brasileiro que acabou pedindo bis
Senhor, tende piedade de nós!


Pela Cicarelli na praia namorando sem vergonha
Pela Dilma Rousseff sempre tão risonha
Pelo Gabeira que jurou que não fuma mais maconha
Senhor, tende piedade de nós!


Pela importante missão do astronauta brasileiro
Pelos tempos que Lorenzetti era só marca de chuveiro
Pelo Freud que "não explica" a origem do dinheiro
Senhor, tende piedade de nós!


Pelo casal Garotinho e sua cria
Pelos pijamas de seda do "nosso guia"
Pela desculpa de que "o presidente não sabia"
Senhor, tende piedadede nós!


Pela jogada milionária do Lulinha com a Telemar
Pelo espírito pacato e conciliador do Itamar
Pelo dia em que finalmente Dona Marisa vai falar
Senhor, tende piedade de nós!


Pela "queima do arquivo" Celso Daniel
Pela compra do dossiê no quarto de hotel
Pelos "hermanos compañeros" Evo, Chaves e Fidel
Senhor, tende piedade de nós!


Pelas opiniões do prefeito César Maia
Pela turma de Ribeirão que caía na gandaia
Pela primeira dama catando conchinha na praia
Senhor, tende piedade de nós!


Pelo escândalo na compra de ambulâncias da Planam
Pelos aplausos "roubados" do Kofi Annan
Pelo lindo amor do "sapo barbudo" por sua "rã"
Senhor, tende piedade de nós!


Pela Heloisa Helena nua em pêlo
Pela Jandira Feghali e seu cabelo
Pelo charme irresistível do Aldo Rebelo
Senhor, tende piedade de nós!


Pela greve de fome que engordou o Garotinho
Pela Denise Frossard de colar e terninho
Pelas aulas de subtração do professor Luizinho
Senhor, tende piedadede nós!


Pela volta triunfal do "caçador de marajás"
Pelo Duda Mendonça e os paraísos fiscais
Pelo Galvão Bueno que ninguém agüenta mais
Senhor, tende piedade de nós!


Pela eterna farra dos nossos banqueiros
Pela quebra do sigilo do pobre caseiro
Pelo Jader Barbalho que virou "conselheiro"
Senhor, tende piedade de nós!


Pela máfia dos "vampiros" e "sanguessugas"
Pelas malas de dinheiro do Suassuna
Pelo Lula na praia com sua sunga
Senhor, tende piedade de nós!


Pelos "meninos aloprados" envolvidos na lambança
Pelo plenário do Congresso que virou pista de dança
Pelo compadre Okamotto que empresta sem cobrança
Senhor, tende piedade de nós!


Pela família Maluf e suas contas secretas
Pelo dólar na cueca e pela máfia da Loteca
Pela mãe do presidente que nasceu analfabeta
Senhor, tende piedade de nós!


Pela invejável "cultura" da Adriane Galisteu
Pelo "picolé de xuxu" que esquentou e derreteu
Pela infinita bondade do comandante Zé Dirceu
Senhor, tende piedade de nós!


Pela eterna desculpa da "herança maldita"
Pelo "chefe" abusar da birita
Pelo novo penteado da companheira Benedita
Senhor, tende piedade de nós!


Pela refinaria brasileira que hoje é boliviana
Pelo "compañero" Evo Morales que nos deu uma banana
Pela mulher do presidente que virou italiana
Senhor, tende piedade de nós!


Pelo MST e pela volta da Sudene
Pelo filho do prefeito e pelo neto do ACM
Pelo político brasileiro que coloca a mão na "m"
Senhor, tende piedade de nós!

Pelo Ali Babá e sua quadrilha
Pelo Gushiken e sua cartilha
Pelo Zé Sarney e sua filha
Senhor, tende piedade de nós!


Pelas balas perdidas na Linha Amarela
Pela conta bancária do bispo Crivella
Pela cafetina de Brasília e sua clientela
Senhor, tende piedade de nós!


Pelo crescimento do PIB igual do Haití
Pelo Doutor Enéas e pela senhorita Suely
Pela décima plástica da Marta Suplicy
Senhor, tende piedade de nós!


Para que possamos ter muita paciência
Para que o povo perca a inocência
E proteste contra essa indecência
Senhor, dai-nos a paz!